11.4.14

POULAIN AMÉLIE POULAIN

Falar sobre filmes, vou começar a falar sobre filmes. Aqui.
Há um tempo atrás numa conversa com as minhas colegas e professora de ballet foi sugerido por quase todas que começasse a falar de filmes. Embora seja viciada em cinema e não há nada que mais goste de fazer do que aconselhar os meus amigos a verem determinado filme e contar factos sobre o mesmo, escrever sobre isso assusta-me de morte: e se o que eu escrever for absurdo? E se sem notar estou simplesmente a escrever um spoiler e arruinei quaisquer planos que o leitor tinha de vê-lo? Argh.
Mesmo assim, lá ganhei coragem para começar a escrever sobre alguns dos meus filmes favoritos, isto é, não contar a história toda, mas sim se mudou ou não o meu ponto de vista nalgumas coisas, do que gostei mais e por aí.
É por isso que escolhi ''O fabuloso destino de Amélie Poulain'' (2001) para começar: com direcção de Jean-Pierre Jeunet, roteiro de Guillaume Laurant, produção de Jean-Marc Deschamps e Claudie Ossard e uma das melhores bandas sonoras de sempre pelo brilhante Yann Tiersen, é o filme que mudou a minha vida.

Talking about movies, I'm going to start talking about movies. Here.
Not long ago I was having a chat with my fellow ballerinas and my ballet teacher and upon asking what I could improve in here it was suggested by many that I wrote about movies. Although I'm a huge cinema lover and there's nothing I like to do best than advising my friends what to watch and tell little facts of it, actually writing about a certain movie so other people can read it frightens me to death: what if what I'm writing is nonsense? What if without noticing I just wrote a huge spoiler and ruined the reader's plans to watch it? Argh. 
Still, I've gained the courage to start writing about some of my favorite movies, not telling the whole story, but whether it changed my point of view of certain things or not, what I liked the most and so on. 
That's why I'm starting with the amazing 'Le Fabuleux Destin d'Amélie Poulain' (2001) directed by the amazing Jean-Pierre Jeunet, written by Guillaume Laurant, produced by Jean-Marc Deschamps and Claudie Ossard and with the most wonderful soundtrack ever by the brilliant Yann Tiersen, this movie changed my life.
Amélie (Audrey Tautou) sempre foi muito peculiar, sempre amou reparar em detalhes que nunca passaria por outra mente e encontrava prazer em pequenas coisinhas, muito cedo foi-lhe diagnosticada uma anomalia cardíaca e foi então proíbida de conviver com outras crianças e passou a ser educada em casa pela sua mãe, que morreu pouco depois, quando uma  turista com intenções suicidas lhe caiu em cima. Depois dessa perda, tudo o que restava a Amélie era o seu pai e o mundo que havia criado para si e era com isso que vivia no subúrbio Francês.
Já crescida, Amélie muda-se para Montmartre e logo consegue um trabalho no Café des 2 Moulins (este café existe mesmo!). No dia em que a morte da Princesa Diana foi anunciada... tudo mudou para Amélie Poulain.

Amélie (Audrey Tautou) was always very quirky for a kid, she always loved noticing things no one did and found pleasure in little things; during her childhood her father diagnosed her with a cardiac anomaly so she didn't play with other kids and was homeschooled by her mom, which died after a tourist fell over her in a suicidal attempt from the top of a church. After that loss at a very young age, all she had was her father Raphael Poulain, with whom she lived in the suburbs of France.
All grown up, Amélie moves to Montmartre, in Paris and soon after gets a job in a café called Café des 2 Moulins (this is a real café now!). In the day the death of Princess Diana was anounced... everything changed for Amélie Poulain.
O que eu devia ter esclarecido é que não foi a morte da Princesa Diana que mudou Amélie... o perfume ter caído por causa do choque e a tampa ter batido num azulejo foi o que desencadeou tudo. Não porque o azulejo caiu, mas pelo que estava lá escondido: uma caixa com recordações de um rapazito.
A vontade de encontrar o seu dono e devolvê-la foi enorme e Amélie fez tudo o que pôde até que o encontrou (anonimamente).
A alegria de Dominique Bretodeau encheu o seu coração acelerado de ânimo para ajudar todos que podia. E assim foi. E assim começou a fabulosa viagem de Amélie.

What I should have said is that it wasn't Princess Diana's death that changed Amélie... her perfume falling on the floor because of her shock and the cap of it hitting one of the bathroom's tiles changed Amélie. Not because of a tile that fell, but because of what was hidden there: a box of memoires from a little boy.
The will to find that man and get him his box back was bigger and Amélie did all she could to find him, she eventually did (anonymously) and after contemplating Dominique Bretodeau's joy she set her mind to help everyone she could. And so she did. And so did Amélie's fabuleux journey began.

É claro que chega aquela altura em que Amélie compreende que também precisa de ser ajudada, de sair da concha em que vive e ganhar coragem para abraçar o amor.
Apaixonou-se por Nino Quincampoix (Mathieu Kassovitz) quando o viu na estação e desde então (rima acidental) não descansou enquanto não soube quem ele era, onde trabalhava, o seu nome, tudo!

Of course there comes a time in which Amélie figures out she also needs to help herself get out of the shell she lives in and gain the courage to embrace love.
She fell in love with Nino Quincampoix (Mathieu Kassovitz), who she met in the station and since that, it's all her trying to figure out who he is, his name, where he works, everything!

Não consigo decidir que parte mais me toca no filme porque cada movimento, cada palavra e acção da Amélie me enche com boas vibrações, magia e vontade de mudar e todas as personagens tocam na alma nem que tenham uma pequena participação de 2 minutos!
Em duas horas, vão poder ver a forma única como a Amélie muda a vida destas pessoas, o facto de não querer nada em troca e vai fazer-vos sorrir, sorrir muito!
Quem me dera poder contar mais, mas não posso!
Espero que este post não tenha sido um falhanço/spoiler autêntico e dêem-me a vossa opinião sobre este filme!

I can't tell which part touches me the most, because every movement, every single word and action from Amélie fills me with good vibes, magic and will to change and that every character touches my soul deeply, even if they have a 2 minute long appearance!
In two hours you see the unique way how Amélie changes people's lives, the fact that she doesn't look for any reward and she'll make you smile, smile a lot!
I'd love to tell you more, but I CAN'T! I hope this post hasn't been a total failure/spoiler and tell me your opinion on this movie!

16 comments:

  1. Aiii como eu adoro este filme :)

    ReplyDelete
  2. Um filme que está na minha lista para ver!

    ReplyDelete
  3. Adoro este filme! =) acho bem que comeces a falar de filmes, depois fica ao critério de cada um se o vê mas podes criar o bichinho da curiosidade ;)

    ReplyDelete
  4. Gostei deste post! Sei que tens excelente gosto no que toca a filmes portanto vou ficar atenta.

    ReplyDelete
  5. Ainda não vi este filme tenho de ver :)
    Beijinhos
    http://retromaggie.blogspot.pt/

    ReplyDelete
  6. Oi! gostei das suas postagens tou seguindo!

    www.blogdadudavitorino.blogspot.com

    ReplyDelete
  7. Dos melhores filmes! Mas atenção que ela não tinha doença cardíaca-o coração batia mais depressa quando o pai se aproximava porque o pai era distante e ela não estava habituada a tal aproximação por parte dele, quando a examinava!

    ReplyDelete
  8. Ai <3 Juro-te que quando vi este filme nunca mais fui a mesma, gosto imenso, é dos meus preferidos :D

    ReplyDelete
  9. Adoro o filme! Está no meu top de preferidos! Muito bom mesmo e bom resumo hihi x)

    http://free-colors.blogspot.pt

    ReplyDelete
  10. Adoro este filme e também faz parte do meu top de filmes preferidos, é maravilhoso e não posso esquecer a primeira vez que o vi, lindíssimo! :)

    ReplyDelete
  11. oh I love Amelie! Everyone knows that it's the most beautiful & magic movie in cinema's history <3 She is so inspiring <3
    Darling, I miss leaving comments with you too <33 you're one of my favourite bloggers ever!
    http://coeursdefoxes.blogspot.com/

    ReplyDelete
  12. digo te que este é dos filmes que consigo ver todos os dias, a qualquer hora, sem nunca me cansar.. é lindo, perfeito.
    a melhor banda sonora de sempre... <3

    http://rrriotdontdiet.blogspot.pt/

    ReplyDelete
  13. Never seen the movie but the poster makes it seem interesting and it makes me want to see it..

    ReplyDelete
  14. Adoro! "Só" vi este filme uma vez, mas tenho-o guardado no meu computador para quando me apetecer revê-lo *.*

    Sweet Love,
    sweetcamomile.blogspot.pt

    ReplyDelete
  15. Olá, muito bom dia!
    Venho por este meio apresentar um novo projecto-blogue: "Teabreak", a pausa para o chá!
    Também por lá foi escrita uma review a este filme :P
    Trata-se de um blogue onde serão retratados diversos temas vistos por um casal maluco. É tão recente que fez por agora cerca de uma semana... Neste sentido, venho por este meio apresentar o referido blogue que espero sinceramente que goste!
    Será que teremos o prazer de a receber na mesma pelas nossas redes? Ficamos à espera que a resposta seja positiva! Seria um privilégio!
    Com os melhores cumprimentos,
    The Lady from TeabreaK.
    Página de Facebook: https://www.facebook.com/tkteabreak
    Link para o Blogue: http://www.tkteabreak.blogspot.pt/

    ReplyDelete

Thank you for your comment ♥